18-04-2017 Política, Lusa, Peniche Lusa / Notícias Imprimir PDF     Print    Print

Autárquicas: CDS-PP volta a candidatar João Nuno Santos à câmara de Peniche

Peniche, Leiria, 18 abr (Lusa)- O CDS-PP vai recandidatar o presidente da concelhia de Peniche e empresário da restauração João Nuno Santos à câmara municipal, nas eleições autárquicas de 01 de outubro, anunciou hoje o candidato.

A comissão política concelhia aprovou por unanimidade, na segunda-feira à noite, os nomes de João Nuno Santos e de Carlos Lopes para, respetivamente, cabeças-de-lista à câmara e assembleia municipal.

João Nuno Santos aceitou voltar a ser o candidato por considerar que, "passados quatro anos, pouco ou nada mudou e tudo o que deveria ter sido feito não o foi", motivo pelo qual tenciona "fazer alguma coisa de útil pelo concelho e pela população".

"Queremos governar para a população e lutar conta os interesses instalados", sublinhou.

Se ganhar as eleições, o candidato quer abdicar de metade do seu salário e doá-lo a instituições sociais e culturais do concelho.

Outras prioridades passam por criar um gabinete de apoio ao empresário e criar incentivos fiscais à fixação de empresas.

Em relação ao património edificado, quer reabilitar os edifícios públicos degradados e, por Peniche ser "o concelho do distrito de Leiria com mais edifícios com amianto", remover o amianto de edifícios públicos e incentivar os privados nesse sentido.

O CDS-PP tem como objetivo conseguir ter eleitos na câmara e na assembleia municipal para apresentar as suas ideias.

João Nuno Santos, 35 anos, é militante e presidente da concelhia do CDS-PP, empresário da restauração, diretor da Câmara de Comércio e Indústria do Centro e está a concluir mestrado em Turismo e Ambiente, depois de se ter licenciado na área.

O centrista é o sexto candidato à câmara a surgir no concelho, depois de Filipe de Matos Sales (PSD), da independente Márcia Henriques, de Rogério Cação (CDU), de Jorge Gonçalves (PS) e do independente Henrique Bertino.

O atual presidente da câmara, António José Correia (CDU), não se pode recandidatar por atingir o limite de mandatos autárquicos e vai ser o cabeça-de-lista da CDU à assembleia municipal.

Nas eleições autárquicas de 2013, a CDU elegeu três elementos para a Câmara, o PS dois e o PSD outros dois.

 

FYC // MCL

Lusa/Fim

Fonte: VIP - Oeste Global - Jornal Oeste Online / Lusa - © Direitos Reservados (conteúdo exclusivo protegido por contrato)
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar login, ou registar-se, para poder comentar este conteúdo.
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar