23-09-2021 Imprimir PDF     Print    Print

Entrevista com Walter Chicharro candidato do PS

..."a nossa maior preocupação é a fixação de jovens no concelho..."

Região da Nazaré: Por que razão decidiu avançar com uma candidatura à Câmara Municipal da Nazaré?
Walter Chicharro: Volvidos dois mandatos, em que a nossa equipa liderou os destinos do nosso Município, temos hoje um concelho transfigurado para bem melhor e apesar deste tempo de pandemia, é esse caminho que queremos continuar a trilhar. Muito foi feito (somente como exemplo pois muito mais foi realizado, Área de Localização Empresarial de Valado dos Frades, Centro Escolar de Famalicão e Novo Centro de Saúde da Nazaré) mas queremos continuar a desenvolver o mais belo concelho do Mundo, a melhorar a vidas dos nossos concidadãos, garantir que os mais jovens cá se podem fixar e tornar mais aprazível a experiência dos que nos visitam é a nossa vontade principal.
Desde o início que assumi que este era um projeto a 12 anos. As eleições são um momento de avaliação dos mandatos, mas também do projeto para o futuro deste concelho. Tenho projetos que quero terminar e tenho certo de que vou ter o apoio dos habitantes das nossas três freguesias para o fazer.

Região da Nazaré: O que acha que o executivo da Câmara (PS) deixou por fazer nestes oito anos à frente do município da Nazaré? Quais as propostas mais relevantes que pretende fazer nos próximos quatro?

Walter Chicharro: A nossa maior preocupação é a fixação de jovens no concelho. A oferta imobiliária existente não esta direcionada para quem está em início de vida e quer viver no nosso concelho e é por isso que já estamos a trabalhar nas soluções, com a disponibilização em breve dos primeiros lotes para construção a custos controlados em Fanhais. Mas queremos ir mais longe e estamos a ultimar a implantação no terreno da estratégia local de habitação. A nossa aposta será na construção de qualidade para arrendamento a custos controlados.

Região da Nazaré: O que pretende fazer para fixar a população no concelho da Nazaré e captar empresas e indústria? E para valorizar o comércio tradicional?
Walter Chicharro: A fórmula existe e está a ser aplicada. Com mais emprego – ALE do Valdos dos Frades e ALE de Famalicão – com a procura de mão de obra mais qualificada - centro de start-ups na área da agricultura em Valado e Centro de Inovação do Mar na Nazaré – com habitação a custos controlados, com boa oferta escolar, desportiva, de saúde e cultural, estarão reunidos para que o concelho da Nazaré se assuma com um dos mais atrativos da região.
A economia do nosso concelho tem mostrado ser muito dinâmica e inovadora. Se em 2013 a economia se baseava em três grandes áreas - pesca, agricultura e turismo de verão - , hoje é bastante mais diversificada. Temos indústria – a ALE do Valado dos Frades é um sucesso tão grande que a vamos ter de ampliar e de a replicar em Famalicão – temos turismo o ano inteiro, temos uma verdadeira indústria de pescado – o que permite que o valor agregado fique no concelho – e uma agricultura de excelência. A nossa restauração e o nosso comércio são hoje referências nacionais.

Região da Nazaré: Estamos ainda a viver uma pandemia. Avizinham-se tempos muito difíceis, com uma crise económica. O que pretende fazer na área social, no concelho, para ajudar as pessoas e as empresas?
Walter Chicharro: Reforçar o trabalho que já temos no terreno. Ao longo da pandemia estivemos sempre ao lado dos que mais precisavam. Apoiámos também as empresas e vamos continuar a apostar nesses apoios, porque sem empresas não temos empregos e sem empregos não temos pessoas.
É com os apoios sociais já existentes e com o reforço de medidas de estimulo às empresas que vamos conseguir potenciar ainda mais o nosso concelho.
Infelizmente não podemos ainda mexer nas taxas e impostos municipais, que seria outra forma de apoiar as pessoas e as empresas, mas todos sabem o estado financeiro em que a camara estava em 2013. Fizemos um trabalho árduo de redução e controle da divida que hoje nos permite andar de cara levantada na rua. Em oito anos conseguimos diminuir a divida em 14,2 milhões de euros e diminuímos os prazos médios de pagamento de três mil dias para dez dias… A divida foi toda restruturada e hoje temos a confiança dos credores e dos fornecedores. Para que se tenha noção do trabalho efetuado, hoje, o valor que nos separa da possibilidade de começar a baixar impostos e taxas municipais é precisamente o valor da divida que o PSD tinha deixado escondida, mas tenho certo que a breve prazo vamos conseguir ultrapassar mais essa barreira.


Região da Nazaré: Quais as suas expetativas em relação ao resultado? O que é para si um resultado razoável ou ideal?

Walter Chicharro: O nosso objetivo é claro e passa pela renovação do contrato de confiança que temos com os habitantes do concelho. Temos noção do trabalho que realizámos e sabemos que as pessoas conhecem os projetos que estão em discussão. Mas é fundamental que as pessoas percebam que as eleições só se ganham nas urnas. Nada está ganho até ao momento em que as urnas encerram e por isso é fundamental que no dia 26 todos vão votar e que votem no Partido Socialista porque só Juntos Cumprimos.
Tags:

 
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar