18-04-2017 Francisco Gomes Imprimir PDF     Print    Print

Festa do andebol juntou 1100 jovens

Numa altura em que há que saber escolher viagens e atividades em grupo durante um período de férias,1100 jovens, dos 8 aos 19 anos, participaram na Nazaré num torneio internacional de andebol ao longo de quatro dias. Os atletas e os pais que os acompanharam disseram que a prática desportiva foi a melhor forma de ocupar as férias da Páscoa, sem relatos de incidentes e onde a festa se fez de forma saudável.

Torneio internacional de andebol durante as férias da Páscoa
“Tem corrido bem, já estamos habituados, por isso é normal e tranquilo”, contou Rafael Almeida, atleta. Outro jogador, João Machado, declarou que “é uma festa porque as equipas da Nazaré são hospitaleiras e aproveitamos ao máximo”. Segundo Beatriz Chicharro, “todas nós preferimos fazer o que gostamos, que é jogar andebol”.
Os encarregados de educação estavam satisfeitos. “O meu filho trocou a viagem de finalistas pelo Nazaré Cup, por uma paixão que é o andebol e este convívio acabou por ser para ele mais importante do que festa de finalistas”, referiu Paulo Lima. “As viagens de finalistas também são importantes mas prefiro que ele esteja aqui do que a fazer outras atividades que não saibamos o que se passa”, manifestou Alfredo Pinto.
O torneio Nazaré Cup juntou atletas de Portugal, Suécia, Polónia e Espanha. Os espanhóis, por exemplo, ficaram satisfeitos com a forma como foram recebidos. “Tudo muito bem, desde o ambiente da população aos pavilhões desportivos. É uma festa muito bonita”, relatou o treinador Javier Molina.
Há trinta anos que esta festa do andebol é organizada na Nazaré. “Concentramos aqui milhares de pessoas e é bom para a terra”, indicou João Manuel, coordenador do Nazaré Cup.
Tags:

 
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar