29-06-2018 Economia, Lusa, Caldas da Rainha Lusa / Notícias Imprimir PDF     Print    Print

OesteCim quer potenciar região do Oeste através de projeto turísticos inovadores

Caldas da Rainha, Leiria, 29 jun (Lusa) – A Comunidade Intermunicipal do Oeste lançou hoje, em conjunto com uma associação empresarial e um instituto politécnico, um programa de potenciação da região através do apoio a projetos turísticos inovadores.

O programa lançado no âmbito da estratégia do Turismo de Portugal visa “apoiar projetos inovadores que aproveitem as potencialidades do território do Oeste”, afirmou hoje Sérgio Félix, da Associação Industrial da Região Oeste (AIRO), entidade parceira do Projeto Oeste Portugal Tourism Startup Program.

O projeto, apresentado hoje aos empresários da região, vai decorrer entre setembro de 2018 e abril de 2019, com a realização de uma séria de atividades, entrem as quais Workshops de estímulo a ideias de negócio, dias abertos em parques tecnológicos, empresas de sucesso e negócios inovadores, provas de conceito (em que as ideias de negócio serão testadas em eventos e feiras), roadshows empresariais e sessões coletivas e particulares de mentoria.

O objetivo é “criar novas soluções na oferta nacional”, mas, sobretudo, “valorizar a região” através de ideias de negócio inovadoras que “se liguem a todos os setores de atividade e a negócios mais tradicionais para potenciar a economia regional”, explicou Sérgio Félix.

Numa primeira fase, os parceiros vão “fazer um levantamento das oportunidades de negócio que resultem em negócios reais a ser apoiados pelo projeto”, afirmou Sérgio Félix, estimando que possam vir a inscrever-se “cerca de uma centena de ‘startups’ e empreendedores”, dos quais, “entre 15 a 20 poderão ter consultoria especializada desde o início ao final do projeto”.

Os três melhores projetos selecionados pelas entidades parceiras (Comunidade Intermunicipal do Oeste - OesteCim; Airo e Instituto Politécnico de Leiria) receberão um prémio monetário entre os 1.500 e os 750 euros, atribuído pelo Turismo de Portugal.

As ideias de negócio que se revelem inovadoras e sustentáveis poderão ainda candidatar-se a apoios comunitários para o setor do turismo.

No âmbito do projeto será ainda criado um E-book de boas práticas, “com base nas ideias, soluções e questões levantadas durante os workshops”, revelou Sérgio Félix, sublinhando a importância de “fazer chegar este conhecimento não apenas aos participantes, mas a todos os empreendedores do Oeste e do país”.

O projeto foi apresentado nas Caldas da Rainha, na sede da OesteCim, composta pelos municípios de Alcobaça, Alenquer, Arruda dos Vinhos, Bombarral, Cadaval, Caldas da Rainha, Lourinhã, Óbidos, Nazaré, Peniche, Sobral de Monte Agraço e Torres Vedras.

 

DYA // MLS

Lusa/Fim

Fonte: VIP - Oeste Global - Jornal Oeste Online / Lusa - © Direitos Reservados (conteúdo exclusivo protegido por contrato)
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar login, ou registar-se, para poder comentar este conteúdo.
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar