28-05-2018 Sociedade, Lusa Lusa / Notícias Imprimir PDF     Print    Print

BREVES: País

Redação, 28 mai (Lusa) - Notícias breves do País:

 

PONTA DELGADA: PJ detém homem suspeito de abuso sexual de criança

 

A Polícia Judiciária (PJ) deteve no concelho de Ponta Delgada, em São Miguel, um homem suspeito de diversos crimes de abuso sexual de uma rapariga de 13 anos de idade.

Segundo um comunicado do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada da PJ, hoje divulgado, “os abusos iniciaram-se já no decurso deste mês e tiveram lugar no concelho de Ponta Delgada, na casa do suspeito, que se aproveitou do facto de ser o padrasto da vítima e da inerente confiança associada, para a manipular e sujeitar a reiteradas agressões sexuais”.

O detido, com 25 anos, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva, acrescenta a PJ.

 

SINTRA: Obras na Estrada Nacional 247 decorrem até julho

 

Os trabalhos de reparação de um troço da Estrada Nacional (EN) 247, entre a vila de Sintra e Colares, no concelho de Sintra, tiveram início hoje e terminam em julho, informou hoje a Infraestruturas de Portugal.

A intervenção no quilómetro 75,4 visa "a estabilização da plataforma rodoviária e a construção de um muro de suporte", de acordo com a nota enviada às redações.

 

GRÂNDOLA: GNR deteve dois suspeitos de furto de cortiça

 

A GNR deteve dois homens suspeitos de furto de cortiça durante uma ação de fiscalização efetuada no último sábado, no concelho de Grândola, distrito de Setúbal, anunciou hoje a corporação.

Os dois detidos, de 24 e 59 anos, ambos com antecedentes criminais pela prática do mesmo tipo de crime, foram constituídos arguidos e sujeitos à medida de coação de termo de identidade e residência.

A GNR de Grândola apreendeu ainda aos dois homens cerca de 600 quilogramas de cortiça, a viatura, de caixa fechada, onde transportavam o produto do furto, e dois machados que terão sido utilizados na extração da cortiça.

 

CALDAS DA RAINHA: Revista municipal eleita a melhor do país

 

A Revista do Município de Caldas da Rainha foi eleita a melhor do país no encontro nacional de Comunicação e Marketing da Associação de Trabalhadores da Administração Local.

A Câmara Municipal recebeu com satisfação a distinção atribuída à revista municipal, que está disponível em papel ou na Internet.

O encontro decorreu no fim-de-semana em Porto Moniz, na Madeira, e reuniu dezenas de dirigentes e técnicos de comunicação, marketing e marca de municípios de todo o País.

 

LEGISLATIVAS: Contas do JPP sem irregularidades em 2015

 

O Tribunal Constitucional não detetou irregularidades nas contas do JPP relativas à campanha eleitoral para as eleições legislativas nacionais de 2015, anunciou hoje o deputado madeirense Rafael Nunes.

"Foi divulgado o relatório de fiscalização das contas eleitorais por parte do Tribunal Constitucional (TC), através da Entidade das Contas e Financiamentos Políticos - um órgão independente que funciona junto do TC – e, ao abrigo do artigo 43 da Lei Orgânica 2/2015, estipula que não existem quaisquer irregularidades nas contas do JPP referentes a este ato eleitoral", afirmou, numa conferência de imprensa na Assembleia Legislativa da Madeira.

O JPP – que nasceu de um movimento de cidadãos em Santa Cruz, na Madeira - congratulou-se com a notícia, referindo que "acima de tudo está o dever da transparência e da prestação de contas à população".

Rafael Nunes lembrou que o Juntos pelo Povo "sempre defendeu a tónica da transparência e do compromisso com rigor e credibilidade de todos aqueles que recebem subvenções públicas, com dinheiro de todos os contribuintes, e por isso os cidadãos têm o direito de saber o que foi feito com o seu dinheiro".

 

APE/AZF/GR/FYC/EC // MLS

Lusa/Fim

Fonte: VIP - Oeste Global - Jornal Oeste Online / Lusa - © Direitos Reservados (conteúdo exclusivo protegido por contrato)
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar login, ou registar-se, para poder comentar este conteúdo.
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar