21-12-2018 Economia, Política, Lusa Lusa / Notícias Imprimir PDF     Print    Print

Assembleia de Pombal exige suspensão das concessões de petróleo e gás no Centro

Pombal, Leiria, 21 dez (Lusa) – A “suspensão imediata” dos processos para exploração de hidrocarbonetos na região Centro é defendida numa moção que a Assembleia Municipal de Pombal, distrito de Leiria, aprovou, por iniciativa do Bloco de Esquerda (BE).

“A população local está desinformada e tem vindo a posicionar-se contra este processo à medida que recebe informação, como provou a sessão pública promovida por organizações ambientalistas recentemente na Bajouca (Leiria), tendo juntado cerca de 400 pessoas”, refere a moção, aprovada na quinta-feira, com 14 votos a favor, seis votos contra e 13 abstenções.

Neste momento, segundo o texto, proposto pela deputada municipal do BE Célia Cavalheiro, “apenas as áreas denominadas Batalha e Pombal têm simultaneamente contratos ativos e trabalhos a decorrer, numa faixa litoral que se estende das Caldas da Rainha a Soure”, da responsabilidade da empresa Australis Oil & Gas.

“O território do nosso concelho está abrangido por estes contratos, prevendo-se a realização do primeiro furo na freguesia da Bajouca, Leiria, no ano 2019, assim como em Aljubarrota, Alcobaça, mas amanhã pode ser em Pombal”, alerta a Assembleia Municipal.

A moção exige a “suspensão imediata dos processos de concessão, exploração e extração de petróleo e gás na região Centro”.

“A instalação desta indústria em território nacional vem em contraciclo com o delineamento de políticas nacionais e internacionais para combater as alterações climáticas”, alerta.

Por outro lado, a Península Ibérica “é cientificamente reconhecida como um dos locais europeus onde os impactos das alterações climáticas serão mais gravosos, pelo que o Governo português deve preocupar-se em dar o exemplo, impedindo a progressão da indústria petrolífera e promovendo a transição energética para energias renováveis”.

O documento aprovado será enviado ao ministro do Ambiente e aos grupos parlamentares da Assembleia da República, manifestando “oposição ao desenvolvimento de trabalhos prospeção e produção de petróleo e gás” na região e “apelando à ação dos órgãos autárquicos para travar este processo”.

Em comunicado, a distrital do BE de Leiria realça que hoje, no parlamento, “juntamente com uma petição que propõe o cancelamento dos contratos de prospeção e produção de petróleo na região Centro”, são debatidas “várias iniciativas legislativas no mesmo sentido”.

CSS // MLM

Lusa/Fim

Fonte: VIP - Oeste Global - Jornal Oeste Online / Lusa - © Direitos Reservados (conteúdo exclusivo protegido por contrato)
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar login, ou registar-se, para poder comentar este conteúdo.
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar