27-11-2019 Arlindo Ferreira Imprimir PDF     Print    Print

Futebol 11 - Juvenis / I Divisão

A.E. Óbidos 2 - G.D. Peniche 0

Estádio Municipal de Óbidos Árbitro: Tiago Pinto; Assistentes: Tiago Gonçalves e Joel Gaspar AE Óbidos: Rui Santos; Duarte Santos (40' Ernesto Santos); Miguel Sedas; Tomás Zina (Duarte Duque); Tomás Ferro; Thiago Martins (David Morgado); Bernardo Barros; Rafael Ferro (Tiago Oliveira); José Ferreira (Diogo Santos); Guilherme Martins; Rúben Ferro. Suplentes não utilizados: David Chaves; Pedro Martins Treinador: Sérgio Morgado GD Peniche: Gonçalo Marto; Bruno Sousa; Martim Sousa; Rodrigo Nascimento; Dinis Ramos (Guilherme Rodrigo); André Chagas (Tomás Pedreira); Tiago Nascimento (Fábio Manuel); Simão Sousa; Francisco Martins; Sebastião Thiran; Bernardo Gomes (Simão Martins). Suplentes não utilizados: Rúben Bem; Santiago Batista Treinador: Carlos Pejapes

Equipas no início do jogo

Os morcegos cimentaram, com a vitória frente ao Peniche, a sua posição no topo da tabela classificativa. Guilherme Martins e Rúben Ferro foram os autores dos golos da vitória (2-0) do Óbidos, o primeiro de grande penalidade (33') a punir uma bola travada com a mão, por um defensor adversário e a decisão do árbitro foi inquestionável.

Venceu a equipa que aproveitou os erros alheios, ainda que sob enorme pressão. A primeira parte foi muito bem disputada, a turma visitante mostrou que queria levar pontos do castelo, criou algumas dificuldades e, sobretudo não deixou que o Óbidos controlasse o meio-campo.

Na segunda parte o conjunto de Sérgio Morgado dominou, beneficiando da entrada de Ernesto Santos e respetivas mexidas. A partida ganhou ritmo e emoção, mas o resultado não se alterou.

Tags:

 
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar