12-11-2020 Paulo Alexandre Imprimir PDF     Print    Print

Margarida Balseiro Lopes pede concurso adicional para as escolas do Ensino Artístico

O resultado do concurso de financiamento dos contratos de patrocínio 2020-2026 para o ensino artístico esteve no parlamento por iniciativa do PSD.

Margarida Balseiro Lopes, deputada pelos Social-Democratas vincou que “contrariamente às espectativas geradas pelo Governo, não existiu um reforço de verbas e o concurso foi um caos generalizado nas escolas que têm este tipo de oferta educativa”.
A social-democrata questionou os motivos das alterações que o Governo introduziu no concurso, mudanças que originaram cortes superiores a 60% em várias escolas.
“Esta é uma “situação grave” por causa do timing, porque as matrículas já tinham sido feitas e porque não há uma distribuição equitativa das vagas do ponto de vista territorial, disse a deputada, sublinhando que se assistiram a “cortes grandes em Leiria, Alcobaça e Porto, e a um reforço em Lisboa”.
Apesar de o Governo já ter reconhecido o erro, e ter prometido uma verba adicional, em agosto, a promessa ainda não foi concretizada.
“Em consequência disto, temos alunos que abandonaram o ensino artístico, temos alunos que ainda estão porque as escolas e alguns municípios estão a financiar e há alunos que continuam sem aulas”.
Tags:

 
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar