02-07-2021 Paulo Alexandre Imprimir PDF     Print    Print

Remoção do amianto da EB2 da Benedita vai contar com fundos e europeus

O Programa Operacional Regional do Centro (Centro 2020) aprovou 100 projetos para remoção de fibrocimento nos edifícios escolares, representando um investimento total de 11,4 milhões de euros, com uma comparticipação de fundos europeus de cerca de 10 milhões de euros. Estes projetos vão permitir a remoção e substituição de cerca de 174.532 m2 de coberturas com amianto, o equivalente a 17 campos de futebol.

Os apoios concedidos visam a remoção e substituição das estruturas com amianto nas escolas públicas dos níveis de ensino pré-escolar, 1º, 2º e 3º ciclos e ensino secundário, que estão sob a gestão da administração central ou local, respondendo definitivamente a uma preocupação de saúde pública. A escola EB2, da Benedita é um dos estabelecimento de ensino contemplados com verbas para a substituição da cobertura.

Para a presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), Isabel Damasceno, “trata-se de um excelente exemplo de como os recursos europeus se devem colocar à disposição das populações, respondendo diretamente aos seus problemas. A remoção do amianto contribui significativamente para a melhoria das condições de segurança e saúde das escolas públicas. Os municípios são os principais responsáveis pelo sucesso desta medida, uma vez que são donos de obra das 100 intervenções”.

A aprovação destes projetos foi assinalada esta segunda-feira em Coimbra.
Tags:

 
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar