08-06-2021 Marlene Sousa Imprimir PDF     Print    Print

Rui Rio presidiu à apresentação dos cabeças-de-lista do PSD aos municípios do distrito de Leiria

O presidente dos social-democratas veio às Caldas da Rainha no passado dia 2 presidir à apresentação dos cabeças-de-lista do PSD aos 16 municípios do distrito de Leiria. Nas Caldas, Tinta Ferreira recandidata-se. Rui Rio espera ter um dos seus melhores resultados nas próximas eleições autárquicas e para isso conta com “a qualidade” dos candidatos que se apresentaram no Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha, esperando conquistar as oito autarquias que não são lideradas pelo PSD.

O presidente do PSD acredita que “não será difícil”, realçando o “valor” dos candidatos social-democratas, mas também o “desgaste causado pela incompetência do Governo socialista”.
O líder laranja considerou “evidente que este Governo tem vindo a sofrer um desgaste pela sua própria incompetência”, sublinhando que o primeiro-ministro, António Costa, ao não trocar ministros “que objetivamente já não deviam estar em funções, assumindo ele a responsabilidade por eles, provoca naturalmente esse desgaste”.
Coube a Daniel Rebelo, presidente do PSD caldense, dar as boas vindas, salientando que Caldas tem sido um exemplo de “sucesso na implementação de políticas autárquicas”, dando como exemplo os presidentes de Câmara anteriores, como Lalanda Ribeiro, Tinta Ferreira, e em particular Fernando Costa, que esteve sete mandatos à frente do município.
Os candidatos às Câmaras Municipais apresentaram-se individualmente, tendo num vídeo revelado alguns dos projetos e ambições para os seus concelhos.
O presidente da Câmara das Caldas, que é novamente cabeça de lista à autarquia, destacou o desassoreamento da Lagoa como uma obra importante. Evidenciou ainda a “dinâmica comercial e de serviços desta capital da região Oeste”, que “vai seguramente ser forte e capaz e proporcionar riqueza e felicidade aos nossos concidadãos”.
Ao líder e ao eleitorado, os 16 cabeças-de-lista apresentaram um “contrato de confiança” em que se comprometem “contribuir para o bem-estar das pessoas, promover a economia local, apostar no intermunicipalismo, reforçar o papel da sociedade civil e valorizar o papel das juntas de freguesia”.
“Autarquias não receberam um cêntimo pelos gastos com a Covid-19”
Para Tinta Ferreira, os autarcas eleitos pelo PSD já deram provas no passado da sua capacidade. “Com o nosso exemplo e com os bons resultados eleitorais que esperamos, iremos contribuir para a viragem de sentido político de que o país precisa, para o bem de Portugal e dos portugueses”, salientou.
O autarca das Caldas recordou o momento grave por força da pandemia que “expôs claramente as fragilidades desta governação”. “O governo promete e não cumpre, empurra com a barriga e não assume os seus compromissos para com as autarquias. Elas que resolvam os problemas e depois logo se vê!”, apontou.
Sublinhou que o Governo prometeu ressarcir as autarquias das despesas Covid. “Até 31 de dezembro foram identificados quase 200 milhões de euros em gastos das autarquias com a Covid. Caminhamos rapidamente para 300 milhões de euros e até hoje o que foi recebido? Nem um cêntimo!”, revelou.
Tinta Ferreira salientou que há competências, particularmente na área social, cultural, saúde e educação, que estão no “limbo”. “Não se sabe ao certo a quem compete o quê. E são as autarquias que acabam por resolver os problemas com enormes custos. Isto aguenta-se um tempo, mas não se aguenta para a vida toda”, sustentou.
“Ao gastar dinheiro naquilo que são competências do governo as autarquias não conseguem fazer bem o que verdadeiramente lhes compete e não podem baixar a carga fiscal e municipal”, acrescentou.
Todos os candidatos estão com Rui Rio para o acompanhar na “defesa da existência de uma nova lei das finanças locais que nos aproxima da média da União Europeia, com critérios mais justos e que seja verdadeiramente cumprida, de modo a que as autarquias tenham a capacidade e robustez que lhes permita ir mais longe na criação de riqueza e bem-estar das suas populações”.
O autarca pediu ainda ajuda ao líder do PSD de modo a garantir uma maior participação das autarquias na definição dos programas regionais, para que os fundos comunitários sejam afetos às verdadeiras necessidades das populações.
No dia 17 de junho pelas 21h00, o PSD vai apresentar alguns dos seus candidatos à Câmara Municipal das Caldas da Rainha.
Candidatos
Os candidatos aos 16 concelhos do distrito de Leiria são os seguintes: Alcobaça – Hermínio Rodrigues; Bombarral – Nuno Mota; Caldas da Rainha –Tinta Ferreira; Peniche – Filipe Sales; Nazaré – Fátima Duarte; Óbidos – Filipe Daniel; Castanheira de Pera – Alda Carvalho; Figueiró dos Vinhos – Luís Filipe Silva; Leiria – Álvaro Madureira; Marinha Grande – Carlos Caetano; Pedrogão Grande – António José Lopes; Pombal – Pedro Pimpão; Porto de Mós – Jorge Vala; Alvaiázere - João Paulo Guerreiro; Ansião – Célia Freire, Batalha – Paulo Batista Santos.
Tags:

 
pub
Classificados LUCKY PANDA.BIZ
Opinião
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar